Intercâmbios | Universidade do Sul de SC - Cursos Presenciais e EaD

Mestrado em Educação

Tubarão

Intercâmbios

Os docentes do Mestrado em Educação da Unisul se dedicam ao intercâmbio de pesquisadores de outros Programas de Pós – Graduação da área de Ciências Humanas – Educação no intuito de ampliar a discussão sobre diferentes problemáticas de pesquisa a partir do diálogo com pesquisadores no âmbito nacional ou internacional. Busca ainda um aprofundamento teórico-metodológico, e a proposição e consolidação da pesquisa no Programa de Pós-graduação de Educação da Unisul.

Esse movimento contou, inicialmente, com a realização de Estágios de Pós-Doutorado:

Maria da Graça N. Bollmann, doutora, na Faculdade de Ciências da Universidade Lisboa (Portugal) com bolsa da CAPES, possibilitando articulações para a realização da pesquisa interinstitucional Unisul e Universidade de Lisboa - “A Educação Superior em Santa Catarina, Brasil: um estudo na perspectiva do direito à Educação”.

Clovis Nicanor Kassick, doutor, na Universidade Valladolid (Espanha) e na Universidade Técnica de Lisboa (Portugal), também por um período de seis meses e com bolsa de pesquisa da Fundación Carolina da Espanha.

Gilvan Machado Costa, doutor, com Bolsa da CAPES, na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, que resultou na parceria da elaboração da pesquisa “Trabalho docente no ensino médio nos Estados Brasileiros: um estudo comparado entre Santa Catarina e Minas Gerais” – Faculdade de Educação/UFMG e PPGE/Unisul, financiada pelo CNPq.

O Estágio Pós-Doutoral em Portugal contribuiu significativamente para a proposição de outros projetos de pesquisas com financiamento do CYTED – Programa Ibero-americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento (RIAIPE 1 – Rede Ibero Americana de Investigação em Políticas de Educação), a partir de relações interinstitucionais com a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias de Lisboa.

O resultado da articulação com essa universidade portuguesa foi a realização da pesquisa concluída em 2010 - “Educação e Movimentos Sociais: a contribuição dos Fóruns Mundiais de Educação às Políticas Educativas Brasileiras”, e vinculada ao tema Conjunto de Propostas e Projetos Desenvolvidos por Movimentos Sociais, Organizações Não-Governamentais, Administrações Regionais e Locais e Respectivas Iniciativas Paradigmáticas com Fórum Social Mundial e Fórum Mundial de Educação e do projeto “Políticas de Educação em Tempos de Globalização” – RIAIPE 1. Contou com a participação de dois países do espaço ibero-americano (Espanha e Portugal) e cinco da América Latina (Argentina, Brasil, Chile, México e Uruguai) e do novo projeto para o período 2010-2013 com financiamento da União Européia – Alfa III (EuropeAid/129877/C/ACT/Multi) - Programa Marco Interuniversitário para uma Política de Equidade e Coesão Social na Educação Superior - RIAIPE 3, com a participação de três docentes e três mestrandos do PPGE.      

A participação de Christian Muleka Mwewa, doutor, na RIAIPE3 possibilitou a articulação com a Rede Ibero-Americana de Democracia Cognitiva (RIADEC) que tem como objetivo geral a identificação de lugares ibéricos e latino-americanos de produção e enunciação de conhecimentos no campo da Educação, bem como lutar por sua interação.

Decorreu das relações interinstitucionais do PPGE:

  • Convite ao professor Clovis Nicanor Kassick, para integrar o Grupo de Trabalho sobre Matrizes Curriculares – GTMC – da UFSC, na pesquisa que tem por objetivo “Pesquisar e desenvolver metodologia de trabalho para a elaboração de currículos de referência nacional para os cursos do Programa E-Tec Brasil do SEED/MEC, com a participação de Aracy H. Catapan, Doutora – UFSC, Silvia M Nassar, Doutora – INE-UFSC, Clovis N Kassick, Doutor – Unisul, Walter Irondo, Doutor – UFPel, Erves Ducati, Doutor – UFSC, Rafaela L Comarella, Doutoranda – UFSC e Salésio e Assi - UFSC”.
  • As articulações do professor Marcos Edgar Bassi com o Centro de Estudos e Pesquisas de Políticas Públicas em Educação, CEPPEd do PPGE da Faculdade de Educação da USP-FEUSP, que integra a Rede de Pesquisadores em Financiamento da Educação resultou em uma Representação Regional do MEC/RJ e ainda na participação do PPGE Unisul na pesquisa coordenada pela FEUSP, “Remuneração de professores de escolas públicas de educação básica: configurações, impactos, impasses e perspectivas”, financiada pela CAPES/INEP/SECAD no período de 2008-2012, de abrangência nacional, que envolve 10 estados das cinco regiões do país, com 8 no PPGE.
  • O PPGE, por meio dos professores Maria da Graça N Bollmann, Letícia Aguiar Gilvan Costa e Christian Muleka Mwewa, integra a Redestrado – Rede de Estudos sobre Trabalho Docente, com sede na Universidade de Buenos Aires/Argentina e na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)/Brasil.
  • Participação dos professores Maria da Graça N Bollmann e Gilvan Luiz Machado Costa no Foro Latino Americano de Políticas Educativas – FLAPE, com sede em Buenos Aires/Argentina.
  • Participação de Fátima E. Marcomin, doutora, do PPGE Unisul, como coordenadora do grupo de Pesquisa AnPAP-EA (Análise e Planejamento Ambiental da Paisagem e Educação Ambiental), em Redes de Pesquisa em Educação Ambiental, favorecendo sua participação nas reuniões da ANPED em discussões para a reativação da Rede Universitária de Programas de Educação Ambiental-RUPEA; Membro elo da Rede de Educação Ambiental Sul do Brasil-REASul.
  • Com a mediação das professoras Fatima Elizabeti Marcomin, Maria da Graça Nóbrega Bollmann, Maria Ana e Dile da área de química, estreitaram-se as relações com o professor Mohamed Hamdani, da área de química ambiental, da Faculdade de Ciências de Agadir da Universidade de Ibn Zohr – Marrocos, visando o fortalecimento dessa área na Linha de Pesquisa Educação em Ciências do Programa, com a proposição do convênio entre a Unisul e Université Ibn Zohr – Agadir/Marrocos.
  • Participação do professor Gilvan Costa, doutor no Getrado – Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho Docente, com possibilidades de criação do Gestrado-PPGE-Unisul para os próximos anos.
  • Assinatura do convênio interinstitucional entre a Unisul e Uni-Santiago/ Cabo Verde, a partir do Projeto Pró-Africa – “Educação para a Cidadania Global: parceria Brasil – Cabo Verde”, com financiamento do CNPq. Os participantes são: Neide Fiori, doutora e Coordenadora do projeto, Eduardo Búrigo de Carvalho, doutor e Vera Lúcia Chacon Valença, doutora. Dentre as atividades desenvolvidas salienta-se a participação no Colóquio Internacional “Os limiares Críticos da Educação Contemporânea” e as seguintes palestras: O estudo do meio e a história local: temporização dos saberes e dos cotidianos na escola; Educação, Direitos Humanos e Cidadania; A Escola Brasileira de Nacionalização; Idioma e Filosofia Política Rumo à Assimilação; A Educação no Museu: A Infância e os Valores Modernos da Liberdade e Igualdade; A Educação Superior na Época da Globalização que contou, à época, com a participação do professor Luiz Alberto de Souza Marques, falecido em 2010.
  • Participação da professora Neide Fiori, doutora, como professora visitante junto ao PPGE/CIE-UMA (Programa de Mestrado e Doutorado – Centro de Investigação em Educação – Universidade da Madeira, da Reunião Internacional de pesquisadores que integram a CIE). Essa reunião, em 2009, visou levantar as bases para a elaboração, no ano de 2010, de um projeto de pesquisa comum capaz de envolver os diversos países e pesquisadores que integram o CIE com vistas a ser submetido, via Fundação de Ciência e Tecnologia de Portugal, aos órgãos específicos da União Européia. As relações acadêmicas entre a Universidade da Madeira / CIE (Mestrado e Doutorado) e o PPGE/ Unisul ocorreram a partir de convergências em torno de atividades relacionadas com Pesquisa em Etnografia da Educação que lá se constitui em uma Linha Transversal de Pesquisa, estando presente em toda a organização curricular. Além disso, é importante ressaltar também a participação da pesquisadora no V Colóquio Centro de Investigação em Educação “Pesquisar para mudar (a educação)” – Universidade da Madeira – com apresentação da comunicação “Cooperação Internacional Brasil - Estados Unidos no ensino elementar: memórias de uma professora/aluna (década 1960)”. Na Universidade de São Paulo, LEER – Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação – Departamento de História atua no âmbito da temática que diz respeito aos imigrantes alemães. A atuação, dessa professora, caracteriza-se por tratar o tema sob a perspectiva da educação e da cultura, com ênfase em questões relacionadas com a nacionalização do ensino nas décadas 1930-1940.
  • Participação da professora Vera Chacon Valença, doutora, da Hands on Europe/Portugal – Rede Internacional do Museu das Crianças. Essa rede tem a finalidade de universalizar a concepção museológica sob a ótica da criança, na qual esta deixa de ser apenas usufruidora do processo, tornando-se agente indispensável na formulação da inserção infantil no seu mundo imaginário.
  • Por entender que a filiação a Associações Acadêmico/científicas e Profissionais é uma forma de fortalecimento do Programa e de ampliação da produção científica, além da filiação institucional do Programa de Pós-Graduação em Educação à Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd), os professores também estão filiados individualmente a entidades profissionais e científicas.

A maioria dos professores está filiada a ANPEd por considerar esta uma das entidade de maior representatividade da pesquisa na área da educação. Além da ANPEd, cada integrante do PPGE, em função da linha de pesquisa e das suas produções acadêmicas, também está filiado a outras entidades tais como: SBHE - Sociedade Brasileira de História da Educação; ANPAE - Associação Nacional de Política e Administração da Educação; ANPUH – Associação Nacional de História; SBEM – Sociedade Brasileira de Educação Matemática; REASUL - Rede Sul Brasileira de Educação Ambiental, AnPAp-EA, HISTDBR, CEDES, AELAC, FLAPE, CLACSO, ANDE, ANFOPE, ARIC, AMCE, outras. Além dessas filiações, em função de Estágios Pós - Doutoral e/ou de participação em eventos da área, integrantes do PPGE também participam de Redes de Pesquisa Internacionais, como, por exemplo, Redestrado – Rede Latino-Americana sobre Trabalho Docente e RIAIPE.