Documentos Institucionais | Universidade do Sul de SC - Cursos Presenciais e EaD

Documentos Institucionais da Fundação Unisul

Documentos

Confira os principais documentos institucionais da Fundação Universidade do Sul de Santa Catarina, os quais apresentam objetivos e diretrizes e devem nortear e servir como instrumentos de planejamento para todos os setores da Universidade.

CNPJ 86.445.293/0001-36

Orçamento

O orçamento na Unisul pode e deve reunir diversos objetivos do setor, buscando planejar ações futuras e controlar os resultados. O ponto fundamental é o processo de estabelecer e coordenar objetivos, de forma tal que todos trabalhem sinergicamente em busca de resultados positivos.

Orçamento é a expressão quantitativa de um plano de ação e ajuda à coordenação e implementação de um plano.

 

 

Demonstrações Contábeis

O objetivo das demonstrações contábeis é apoiar diversos setores da Universidade nas suas tomadas de decisões, disponibilizando informações sobre a posição patrimonial e financeira, o resultado e o fluxo financeiro.

Nesse contexto, as demonstrações contábeis são uma representação monetária estruturada da posição patrimonial e financeira em determinada data e das transações realizadas por uma entidade num determinado período.

Entenda o documento: composição das Demonstrações Contábeis

  • Balanço Patrimonial - É uma demonstração contábil que tem por objetivo mostrar a situação financeira e patrimonial de uma entidade numa determinada data. Representando, portanto, uma posição estática da mesma.
  • Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) - Destina-se a evidenciar a formação de resultado líquido do exercício, diante do confronto das receitas, custos e despesas apuradas segundo o regime de competência. A DRE, pode ser utilizada como indicadores de auxílio a decisões financeiras.
  • Demonstrações de Mutações do Patrimônio Líquido (DMPL) - Ela evidencia a mutação do Patrimônio Líquido em termos globais (novas integralizações de capital, resultado do exercício, ajustes de exercícios anteriores, dividendos, reavaliações, etc.).
  • Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos (DOAR) – É facultativo. Com o advento da Lei 11.638/07, que altera dispositivos da Lei 6.404/76, essa demonstração foi substituída pela Demonstração dos Fluxos de Caixa.
  • Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC) - Visa mostrar como ocorreram as movimentações das disponibilidades e o Fluxo de Caixa em um dado período de tempo.
  • Demonstração do Valor Adicionado (DVA) - Tem como objetivo principal informar ao usuário o valor da riqueza criada pela empresa e a forma de sua distribuição. Implantada oficialmente pela Lei 11.638/07 no Brasil.
  • Demonstrações Comparativas - É a comparação das demonstrações contábeis dos dois últimos exercícios, e o grande objetivo é que a análise de uma empresa seja feita sempre com vista no futuro, por isso, é fundamental verificar a evolução passada, e não apenas situação de um momento.
  • Notas Explicativas - As demonstrações contábeis devem ser complementadas por notas explicativas, quadros analíticos e outras demonstrações contábeis necessárias para uma plena compreensão dos números apresentados.
  • Parecer dos Auditores Independentes - No Brasil a Lei das Sociedades por Ações (Lei 6.404 de 15/12/1976, sendo alterada em parte pela Lei 11.638 de 28/12/2007), determina que as demonstrações contábeis sejam auditadas por auditores independentes registrados na CVM (Comissão de Valores Mobiliários).
  • Parecer do Conselho Curador - Compete examinar e deliberar, anualmente, as Demonstrações Contábeis e a Prestação de Contas, quanto à aplicação dos recursos nas finalidades institucionais e à observância da moralidade administrativa da Fundação Unisul.

Balanço Social 2015

O Balanço Social apresenta as principais ações da Universidade, programas e projetos, além de demonstrativos legais e contábeis.

Balanço Social - anos anteriores